NOTÍCIAS

A revolução do varejo passa pela tecnologia e inovação

  • 26/06/2019
  • Exposuper

Joinville (SC) – O consultor Eduardo Terra fez uma analogia impactante e elucidativa para os participantes da EXPOSUPER 2019 em sua palestra realizada no auditório principal do complexo Expoville (26.06): A transformação não acontece no formato de um elefante e sim, no formato de formiguinhas, para mostrar que várias situações agregadas em diferentes processos e meios impulsiona a mudança que atinge a todos, impulsionada pela tecnologia e pela inovação.

O varejo brasileiro ainda não tem a percepção muito acentuada, se comparada à China. Lá, 95% das operações não utilizam mais dinheiro, a moeda não circula mais do jeito convencional, é tudo através do telefone inteligente.  No Brasil as vendas on line no varejo estão abaixo de 1%, na China superam 30%.

Alguns segmentos específicos estão avançando mais rápido. No Brasil atualmente, 26% das vendas de vinhos acontece pelo meio de e-commerce.

Terra afirma, contudo, que as lojas físicas não deixarão de existir, mudará seu formato transformado num ambiente de experiências. Desta maneira é que estão acontecendo experiências bem-sucedidas lá fora.

Na sua fala aos varejistas, Eduardo Terra chama a atenção para o cuidado com seis tópicos: 1) trabalhar a redução de atritos dos consumidores, 2) Ganho de produtividade e eficiência, 3) melhoria da experiência de compra, 4) digitalização de processos, 5) uso intensivo de dados, 6) integração do negócio com o e-commerce.

Confira alguns tópicos estratégicos de Eduardo Terra:

– As redes sociais estão assumindo o papel dos SACs das empresas.

– A transformação tem que combinar experiência com produtividade.

– Startups resolvem problemas pequenos com processos inteligentes.

– O que não se mede não se gerencia.

– Não existe produtividade sem processos bem definidos.

– Dados vencem opiniões (Google).

– Não existe varejo sem loja física.

– Mais de 50% das compras em lojas físicas são influenciadas pelo digital.

–  É preciso trazer a tecnologia para a estratégia.

– O feito é melhor que o perfeito.

– Não faça a transformação sem colocar o consumidor no centro.

– Conduzir uma transformação equivale a voltar a ser empreendedor.

– Transformação é uma agenda de presente, não de futuro.

– Cultura come estratégia no café da manhã (Peter Drucker).

– A teoria de Darwin continua atual, o mais forte é aquele que se adapta à mudança.